Otomodelação (Earshut)

lobuloplastia-clínica-laserpil-porto-alegre.jpg

O PROCEDIMENTO

Orelhas grandes, em muitas vezes, chamadas de orelhas de abano, podem gerar efeitos negativos.

 

O procedimento pela qual se resolvem as deformidades das orelhas se chama EarShut e conta com diferentes técnicas, algumas menos invasivas e que não requerem cirurgia.

 

Sendo assim, é feita uma remodelagem com pontos transcutâneos através de punturas na pele, ou seja, sem cortes.

 

A remodelagem é feita com fio não absorvível, e normalmente é utilizado  o fio de nylon. Este fio é considerado inerte, portanto sofre pouca alteração com o corpo. Esta vantagem faz com que ele seja bastante utilizado e tolerado nesta técnica.

 

QUAIS AS VANTAGENS

O procedimento é feito normalmente com anestesia local. Geralmente, o tempo necessário para a realização do procedimento é de 40 minutos para cada orelha.

 

No geral, o fio de nylon não precisa ser retirado. Mas, se o paciente apresentar qualquer incômodo, é preciso uma avaliação do profissional, e somente ele poderá considerar sua retirada ou não.